Nós quatro

Nós quatro

domingo, 5 de dezembro de 2010

MENSAGEM DO PEDRO

O Pedro e a Cristina disponibilizaram hoje aos amigos suas fotos na internet, algo que Sérgio e Carol talvez nem consigam, visto que, com exatos um mês que voltaram ao Brasil, ainda não conseguiram ver todas.

Mas hoje, vimos boa parte das fotos do Pedro/Cristina e é exatamente a nossa viagem.

Está muito bem registrado e elaborado, mostrando o trajeto que nos quatro fizemos dia a dia.

Clicando no mapa diário de nosso itinerário, é possivel ver o grupo de fotos registradas naquele dia.

Aproveitem e vejam um pouco do que nos quatro vimos na NZ.

Sérgio

*****************************************

Oi gente,

Depois de rodarmos durante 28 dias em um Motorhome pela Nova Zelandia, e tirar umas 6.000 fotos, ( 1 a cada 800 metros ) consegui jogar metade fora, e fazer um album, dia a dia com o que sobrou. Para facilitar a lembrança do roteiro e a compreensão, sempre antes de seguirmos um trecho da viagem, há um mapinha com a rota do dia demarcada.

Infelizmente a maior parte foi tirada com o carro andando, e a qualidade foi prejudicada, mas como são lembranças para agente, ficaram assim mesmo.

Aqueles que tiverem paciência e interêsse, podem acessar os albuns ( dividido em capítulos diários ) online.

Cristina tirou fotos de quase todas as flores do caminho, eu tirei de alguns barcos que reativaram meus sonhos...

No final, ficou uma coletânea de imagens, que nem sempre tem importancia para conhecer a NZ, mas relevantes lembranças pessoais da viagem. Não separei estas, publiquei tudo, pois foi mais fácil.

Sugiro dar uma olhada em miniaturas, di dia 00 ao dia 28 em sequencia, e abrir aquela que pareça interessante, assim poderão ver 10% do publicado, e já é bastante.

Abraços a todos

Pedro

http://picasaweb.google.com/pedrobassfloripa

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Estatisca do Blog gerado pelo provedor

Mais da metade usaram ambiente Windows

Total de 4.220 acessaram o nosso blog de 12 países


Nosso recorde de acesso ao blog foi dia 23 de outubro, total de 142 visitas

domingo, 7 de novembro de 2010

Rio de Janeiro, de volta à base - Localização GPS

SERGIOARAUJO
Latitude:-22.98747
Longitude:-43.22363

Coordenada GPS Data/Hora:11/07/2010 12:35:22 BRST

Mensagem:Carol&Sérgio - Descobrindo a Nova Zelandia se encontram nesta coordenada e estão muitíssimo bem.

OBS: Cristina&Pedro estão em Santiago

Clique no link abaixo para checar minha localização.
http://fms.ws/3o8aY/\-22.98747/\-43.22363

Se o link acima não funcionar, use este:
http://maps.google.com/maps?f=q&hl=en&geocode=&q=-22.98747,-43.22363&ll=-22.98747,-43.22363&ie=UTF8&z=12&om=1

SERGIOARAUJO

À Todos que nos acompanharam





Não deixem de conhecer a Nova Zelândia.


  • Tudo é muito bonito;
  • As flores, as matas, os pássaros, as montanhas, os campos, tudo são indescritíveis,
  • O povo extremamente educado e cordial;
  • tudo é muito limpo.
  • não se vê papel no chão.
  • Os banheiros públicos no meio do nada, sempre com papel, sabonete ou alcool gel e limpos;
  • Alguns banheiros de tão limpo parecia que ninguém jamais tinha estado lá;
  • Pode beber água das torneiras, algo que não fiz por total insegurança;
  • As estradas são impecáveis, mesmo as mais estreitas, e são muito bem sinalizadas.
  • Rodamos 6.000km entre motorhome e carro alugado, e por coincidência ou não, não vimos um acidente nem nas estradas nem nas cidades.
  • 90% das curvas nas estradas informavam a velocidade que deveríamos fazer com segurança;
  • Pode-se dormir em qualquer lugar a não ser que tenha uma placa informando o contrário;
  • Nos restaurantes, em 99% deles, senta-se na mesa e de posse do cardápio, escolhe o prato que vai comer. Feito a escolha levanta-se e vai ao caixa, faz o pedido, paga adiantado e se comprar vinho ou algum refrigerante voce mesmo traz ao voltar para a mesa e vem com uma tabuleta mostrando um número, assim que o prato estiver pronto um garçon leva para você e te acha procurando o número da tabuleta que voce colocou sobre a mesa. Ao acabar de comer é só levantar e ir embora e não se dá gorjeta;
  • O pedestre só atravessa a rua quando o sinal fecha, mesmo que não venha carro, chega a ser aguniante tal comportamento. Chutei o balde algumas vezes.
  • Fomos parados duas vezes na estrada, apenas para ser orientado do modo que deveríamos nos comportar por termos um carro mais lento, oferecendo passagem ao mais rápido, sempre que possível;
  • A velocidade máxima na NZ é 100km/h mesmo nas rodovias com 2 ou mais pistas;
  • Sempre nos perguntavam se estávamos gostando de seu país e nos desejavam boa estadia;
  • Temos conhecidos que já foram furtados em Auckland, mas conosco nada, nem por perto ocorreu.
  • Vimos também placas dizendo não dê oportunidade ao ladrão, então em determinados locais tirávamos o GPS do painel, escondíamos mochilas ou levávamos, etc. Na dúvida não deixávamos nada de valor à vista.
Me lembrando de mais acrescento


Depois faremos um resumo de quanto gastamos na nossa viagem.


abs

No Mac de casa, não mais no Iphone, ufa, o bichinho é muito esperto, mas as letrinhas, haja óculos para enxergar

Realmente para manter um blog o Iphone é campeão, além de que 99% das fotos publicadas foram feitas com ele.
Pegamos o Vôo, dia 6 de novembro de Auckland para Santiago as 18h40min, ele estava com 2 horas de atraso e chegamos em Santiago as 13h45min, ou seja 5 horas antes do horário que deixamos Auckland. Pedro e Cristina ficarão por 2 dias em Santiago antes de retornarem ao seu lar.
Sergio e Carol ficaram aguardando conexão para o Rio de Janeiro que saiu as 17h10min para o Rio com stop em São Paulo de 45 minutos e chegando ao Galeão as 23h45min do dia 6 de novembro.
Em resumo:
Na ida: desapareceu um dia pois saímos, 8 de outubro e chegamos dia 10, sendo que o dia 9 sumiu, levamos 30 horas entre vôos, espera em aeroporto e conexões.
Na volta: Saímos no dia 6 de novembro às 18h40min e chegamos as 23h45min do mesmo dia, à, apenas, 5 horas depois da partida de Auckland nos encontravamos no Rio de Janeiro. levando um total de 24 horas entre vôos, espera em aeroporto e conexões.


Chegamos no Galeão

Bem antes do que imaginavamos, nosso bilhete foi comprado com bastante antecedencia e dizia que pousariamos as 1h30min da manhã de domingo, mas foi otimo pois devem ter feito um novo escalonamento de horario e as 23h45min estavamos no Rio.

sábado, 6 de novembro de 2010

Carol jogando paciência. Paciência necessária. Afinal saímos a 17 horas de Auckland e ainda faltam umas 7 horas para chegar em casa

Falta pouco, estamos mais perto de casa

Já em Santiago, aguardando vôo para o Rio


Em Santiago do Chile os 4 amigos se separam: Pedro e Cristina vão ficar em Santiago por 2 dias e depois seguirão para Florianópolis, onde residem.
Sergio e Carol aguardam conexão, para o Rio, chegando 1:30h da manha de domingo, retornando ao trabalho Segunda-feira extremamente contente e cheio de gás, mas, antes, ainda no domingo ir a praia dar um mergulho e tomar um belo banho nas aguas salgadas da cidade mais marvilhosa do mundo.

Alegria de voltar para casa

Agora serão 11h30min

Fila do check-in. Acreditem, sairemos as 18 h de sábado e chegaremos as 14 h do mesmo dia. Que vôo rápido não acham?

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Casa entregue, vão nos levar para o aeroporto

Entregando a casa que foi nossa por 28 dias

Amanha, sábado, dia 6 estaremos embarcando para o Brasil

Foi fantástico o que vimos e vivenciamos neste mes. Viajar de Motorhome foi bastante simpático.
Talvez venha a repitir em outra oportunidade. Quem sabe aqui mesmo. Toda as fotos deste blog foram feitas com um IPhone 3gs e quando tínhamos sinal de Celular imediatamente a imagem entrava no o ar.

Impressionou o acervo do Auckland Museum o que possui de peças, história, cultura, povos do pacífico, história natural e guerras que participou a NZ.

Mascara

Idem

Entalhes Maori

Dentro do Auckland Museum. Próximo a cafeteria

Idem

Idem

Idem

Pinturas a óleo retratando os antigos Maoris

Idem